Artigos - 12/11/2019

Proteínas Vegetais Hidrolisadas

Proteínas vegetais estão sendo cada vez mais reconhecidas como contribuintes positivos para a saúde humana. Com a crescente demanda foram desenvolvidas tecnologias para criar novas versões proteicas, sendo divididas principalmente em três classes: Proteínas concentradas, proteínas isoladas e, mais recentemente, proteínas hidrolisadas, uma categoria ainda pouco explorada na versão vegetal.

As proteínas hidrolisadas são proteínas que passaram por um processo de hidrólise enzimática, resultando na quebra da proteína intacta em cadeias peptídicas menores e aminoácidos livres, o que confere características especiais importantes para diversos desenvolvimentos.

Os principais mercados que se beneficiam da hidrólise são o mercado infantil, o mercado para terceiridade, e suplementos para atletas, cada um explorando propriedades específicas da proteína hidrolisada.

Mercado infantil

A amamentação é a forma mais recomendada para nutrir crianças até 2 anos, no entanto há um número expressivo com alergia à proteína do leite de vaca – 7 em cada 1000 crianças brasileiras. Embora a proteína isolada de arroz já seja conhecida pela sua baixa alergenicidade, a sua forma hidrolisada é considerada mais hipoalergênica, o que pode ser uma vantagem em desenvolvimentos para públicos sensíveis, como o mercado infantil. Por esta razão, a Gramkow trouxe ao Brasil uma versão Baby Grade, desenvolvida especialmente para o público infantil.

Mercado idoso

Devido ao aumento da expectativa de vida dos humanos, uma consequência natural do processo de envelhecimento é a perda de massa e força na musculatura esquelética. A quebra da proteína em cadeias menores aumenta a sua biodisponibilidade, assim como a absorção e digestibilidade proteica, essencial para tratamentos da sarcopenia. A recomposição mais rápida de tecidos danificados também é uma vantagem para o público idoso.

Suplementos para atletas

Atletas de alta performance precisam de uma resposta mais rápida do organismo para digerir e absorver a proteína, afim de garantir o seu correto funcionamento durante o treino intenso ao qual eles se submetem. Como evidenciado no gráfico abaixo, as proteínas hidrolisadas podem garantir uma absorção proteica até 6,8 vezes maior que as proteínas intactas. Além disso, garantem a prolongada ação aminoacídica no crescimento e recuperação muscular, o que leva a um melhor aproveitamento do treino, especialmente de endurance.

As propriedades únicas das proteínas hidrolisadas mostram que elas podem ser um importante componente no desenvolvimento de novos produtos. A equipe técnica da Gramkow está à disposição para direcionamento de maiores detalhes.